Home » 1080 (21 a 27.09.2015), Ciência

Avaliação livre

Publicado por thiagocastro96@gmail.com - Monday, 21 September 2015

Pesquisadores criam portal que disponibiliza material aberto para testar softwares

FLÁVIA CAYRES

Especial para o Jornal da USP

Com o intuito de colaborar para aprimorar a qualidade de produtos de software, pesquisadores do Núcleo de Apoio à Pesquisa em Software Livre (NAP-Sol) e do Centro de Competência em Software Livre (CCSL), sediados no Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação (ICMC) da USP, em São Carlos, desenvolveram um portal que disponibiliza material aberto abordando a automatização de Teste de Software. O acesso pode ser feito pelo endereço eletrônico http://napsol.icmc.usp.br/ats.

De acordo com o pesquisador da Universidade Federal de São Carlos (Ufscar) Auri Vincenzi, o teste de software não é diferente dos testes que são feitos em outros produtos que usamos no dia a dia, a exemplo de automóveis, refrigeradores, micro-ondas e celulares. “Testar um software significa executá-lo procurando expor possíveis problemas ainda durante o seu desenvolvimento. O objetivo é procurar eliminar a maioria dos defeitos, de modo que o usuário final possa executá-lo por mais tempo sem que ele falhe”, explica Vincenzi.

O pesquisador explica que a área de teste de software se torna cada vez mais importante devido à preocupação das empresas com a qualidade dos produtos desenvolvidos. Nessa linha, Vincenzi complementa: “Há uma tendência de automatização da atividade de teste, de forma que seja realizada com a menor intervenção humana possível e a maior qualidade. Existem diferentes ferramentas que apoiam a automatização de diferentes etapas do processo de teste e o ideal é que se iniciem os testes assim que as primeiras partes do software que possam ser executadas estejam disponíveis”.

O professor Auri Vicenzi: ferramentas podem ser usadas por pequenas empresas, sem custos. Foto: Divulgação

Material gratuito – O portal disponibiliza material gratuito e aberto, dividido em módulos, os quais abordam parte teórica, prática e as possíveis ferramentas de uso. O conteúdo pode ser utilizado como um todo ou parcialmente. “Ele possui ferramentas open source para que uma pequena empresa, por exemplo, possa utilizar tanto o material didático quanto as ferramentas sem custos de aquisição e com possibilidades de evolução do código”, descreve Vincenzi. Além disso, o material inclui apresentações com os conceitos sobre teste, apresentações sobre ferramentas de teste, propostas de exercícios práticos e referências para outras fontes sobre temas específicos.

O processo de elaboração teve início durante o ano de 2014, por meio de uma parceria entre o Instituto de Computação (Icomp) da Universidade Federal do Amazonas (Ufam) e a empresa Samsung Eletrônica da Amazônia (Seda), para colaborar com a relação entre academia e empresa, a formação de recursos humanos e o fortalecimento de redes de cooperação.

De acordo com o coordenador do NAP-Sol, José Carlos Maldonado, “o amplo conjunto de atividades de pesquisa e resultados obtidos, anteriormente, pelos pesquisadores do Laboratório de Engenharia de Software (Labes) do ICMC, da Universidade Federal de Goiás (UFG) e do Icomp, entre outras instituições parceiras, proporcionaram a consolidação do material”.

Por meio de um programa de aprendizagem de Tecnologias de Informação e Comunicação (TICs), sediado na Ufam, são oferecidos cursos de formação avançada para profissionais e estudantes em áreas que abrangem a computação, como a de teste e de garantia de qualidade de aplicação móvel, a qual demanda a qualificação de equipes na área de automatização de teste de software.

“Espera-se que a comunidade de teste no Brasil se envolva para a evolução do material, com a inserção de novos módulos e conteúdos, a exemplo de produtos de software com licenças públicas, contribuindo para a disponibilização de material de ensino e treinamento livre e o uso por profissionais da indústria”, menciona Maldonado.

O projeto Automatização de Teste de Software é coordenado pelos pesquisadores José Carlos Maldonado e Márcio Eduardo Delamaro, do Departamento de Sistemas de Computação (SSC) do ICMC, e por Auri Vincenzi, do Departamento de Computação (DC) da Ufscar. O material de Automatização de Teste de Software está disponível no ambiente Moodle no endereço http://napsol.icmc.usp.br/moodle e qualquer pessoa pode acessá-lo após criar uma conta gratuita.